sábado, 30 de julho de 2011

3° Encontro de Dança Contemporânea

Fonte: Soltonacidade




A terceira edição do evento será realizada de 1 a 7 de agosto, em vários pontos da cidade. Com a proposta de fundamentar a discussão sobre a dança contemporânea no Estado, o Encontro promoverá palestras, apresentações, oficinas e lançamentos literários.

Destaque para atrações nacionais e expoentes da dança brasileira, como Lavínia Bizzotto (RJ), Quasar Cia. De Dança (GO), Helena Katz (SP), Cássia Navas (SP), Lenora Lobo (DF), Sandra Meyer (SC), Paulo de Castro (PE) e Jackie Castro (BH). A abertura Oficial será dia 2 de agosto, às 20h30, no Teatro Riachuelo. A programação terá Clébio Oliveira (Natal/Alemanha), apresentando o espetáculo  “Zona Abissal”, e o Balé da Cidade de São Paulo, com “Divinéia”. Ingressos por R$30 (inteira) à venda na Rio Center (Natal Shopping). Informações: 3620 5262 | www.encontrodedanca.com

PROGRAMAÇÃO

• 1° DE AGOSTO

10h30 - OFICINA DE DANÇA CONTEMPORÂNEA
Lavínia Bizzotto (RJ) - A Arte do Movimento
Local: Espaço Vivo

15h - REUNIÃO DO FÓRUM DE DANÇA
Local: Teatro de Cultura Popular

2 DE AGOSTO

10h30 - OFICINA DE DANÇA CONTEMPORÂNEA
Lavínia Bizzotto (RJ) - A Arte do Movimento
Local: Espaço Vivo

16h - ESPETÁCULO DE DANÇA
Sílabas Cia De Dança (Natal) - Sente-se
Local: Casa da Ribeira

17h - PALESTRA
Helena Katz (RJ) - Tradição x Contemporaneidade
Local: Casa da Ribeira

20h30 - ABERTURA OFICIAL
Clébio Oliveira (Natal/Alemanha) - Zona Abissal
Balé da Cidade de São Paulo (SP) - Divinéia
Local: Teatro Riachuelo

3 DE AGOSTO

10h30 - OFICINA DE DANÇA CONTEMPORÂNEA
Lavínia Bizzotto (RJ) - A Arte do Movimento
Local: Espaço Vivo
                      
16h - ESPETÁCULO DE DANÇA
Gira Dança (Natal) - A Cura
Local: Casa da Ribeira

17h - DEBATENDO DANÇA
Apresentação do Projeto Tenda Na Mala, ministrado por Diana Morais (Portugal) e Discussão de Dança com Lavínia Bizzotto (RJ) e Paulo de Castro (PE)
Local: Casa da Ribeira

20h30 - ESPETÁCULOS DE DANÇA
Companhia de Dança do Teatro Alberto Maranhão (Natal) - Rio Cor De Rosa
Gesto Cia de Dança (Mossoró) - Caminhos
Clébio Oliveira (Natal/Alemanha) - Zona Abissal
Local: Teatro Alberto Maranhão

4 DE AGOSTO

10h30 - OFICINAS DE DANÇA CONTEMPORÂNEA
Clébio Oliveira (Natal/Alemanha) - Corpo Provisório
Local: Escola de Dança do Teatro Alberto Maranhão
Diana Morais (Portugal) – Corpo Pensante
Local: Departamento de Artes da UFRN

15h - INTERVENÇÃO URBANA
Balé da Cidade do Natal - Em Meio Ao Caos, Uma Brecha
Local: Avenida Salgado Filho e Bernardo Vieira

16h - PALESTRA
Cássia Navas (SP) - Teoria geral (do estado) da dança, a questão da identidade
Local: Livraria Siciliano Midway Mall

18h - LANÇAMENTOS LITERÁRIOS
 “A Arte da Composição - Teatro do Movimento” e “Teatro do Movimento 2ª Edição” - Cássia Navas (SP) e Lenora Lobo (DF)

20h30 - ESPETÁCULOS DE DANÇA
Entre Nós (Natal)
+ Uma Cia de Dança (Natal) - Fragmento de Em Umas Vezes Eu, Em Outras Clarice
Lavínia Bizzotto (RJ) - Na Dobra Do Tempo
Local: Teatro Alberto Maranhão

5 DE AGOSTO

10h30 - OFICINAS DE DANÇA CONTEMPORÂNEA
Clébio Oliveira (Natal/Alemanha) - Corpo Provisório
Local: Escola de Dança do Teatro Alberto Maranhão
Diana Morais (Portugal) - Corpo Pensante
Local: Departamento de Artes da UFRN

16h - ESPETÁCULO DE DANÇA
Mobilidade (Natal) - Incolor: Coisas Que Não Queremos Dar Cor
Local: Casa da Ribeira

17h - PALESTRA
Fabiano Carneiro (RJ) - FUNARTE: Ações e Programas em Dança
Local: Casa da Ribeira

20h30 - ESPETÁCULOS DE DANÇA
Gaya Dança Contemporânea (Natal) - Estudo 1: À Mesa
Domínio Cia de Dança (Natal) - Por Aí
Diogo Gonçalves (Natal/EUA) - Recôncavo
Lavínia Bizzotto (RJ) - Na Dobra Do Tempo
Local: Teatro Alberto Maranhão

6 DE AGOSTO

10h30 - OFICINAS DE DANÇA CONTEMPORÂNEA
Clébio Oliveira (Natal/Alemanha) - Corpo Provisório
Local: Escola de Dança do Teatro Alberto Maranhão
Diana Morais (Portugal) - Corpo Pensante
Local: Departamento de Artes da UFRN

16h - ESPETÁCULO DE DANÇA
Nammu Dança (Natal) - Ad Infinitum
Local: Casa da Ribeira

17h - DEBATENDO DANÇA
Sandra Meyer (SC), Jackie Castro (BH) e Clébio Oliveira (Natal/Alemanha) – Discussão dos Espetáculos
Local: Casa da Ribeira

20h30 - ESPETÁCULO DE DANÇA
Quasar Cia. De Dança (GO) - Céu Na Boca
Local: Teatro Alberto Maranhão

7 DE AGOSTO - PROGRAMAÇÃO INTEGRADA AO CIRCUITO CULTURAL RIBEIRA

10h30 - PALESTRA TEÓRICO-PRÁTICA
Lenora Lobo (DF) - Teatro do Movimento
Local: Escola De Dança do Teatro Alberto Maranhão

16h - ESPETÁCULO DE DANÇA
Procura-se Cia de Dança (Natal) - Sobre O Que Restou
Local: Casa da Ribeira

17h - DEBATENDO DANÇA
Encontro de Curadores e Criadores do Rio Grande do Norte
Local: Casa da Ribeira

SERVIÇO | 3° ENCONTRO DE DANÇA DO RN (ABERTURA)
Balé da Cidade de São Paulo (SP) - Divinéia
Clébio Oliveira (Natal/Alemanha) - Zona Abissal
Data: 2 de Agosto
Local: Teatro Riachuelo
Horário: 20h30
Ingressos: Rio Center Natal Shopping
Valor: R$ 30 (50% de desconto para estudantes, idosos, professores, classe artística, clubista do Solto na Cidade e clientes Cabo Telecom que estiverem com a última fatura quitada)
Informações: www.encontrodedanca.com

sexta-feira, 29 de julho de 2011

Boas histórias... dentro e fora das telas

Fonte: Jornal Tribuna do Norte

Tádzio França
repórter

Já não se fazem mais sessões de cinema como antigamente. Os apreciadores da sétima arte precisaram aprender a encarar a tela grande (ou pequena) de outra forma nos últimos cinco anos. A velocidade e o excesso de informações, o acesso rápido a tudo e a reprodução desenfreada de filmes, causou uma série de mudanças no mercado e também no espectador.
alberto leandroCineclube Natal busca atrair novas plateias em maratonas mais planejadas, que duram uma semana. Esta, vai até domingoCineclube Natal busca atrair novas plateias em maratonas mais planejadas, que duram uma semana. Esta, vai até domingo

O cinema, como espaço físico, e as locadoras de vídeo tiveram sua importância banalizada e deixaram de ser os únicos canais para se apreciar uma boa história na tela. Hoje, para se diferenciar no mar de opções sem fim, iniciativas particulares estão investindo em exibições e negócios que filtram o lado mais qualitativo do cinema. As sessões estão abertas para quem deseja algo mais que pipoca.

Há seis anos, o Cineclube de Natal promove atividades que atraem uma parcela do público que procura algo além do que é oferecido no circuito comercial. "As salas de cinema e as locadoras não conseguem dar conta de oferecer tudo que o público quer ver. Junto a isso, há as obrigações comerciais que limitam as opções. Como o Cineclube não está ligado ao lucro, somos independentes para exibir o que quisermos", afirma Pedro Fiúza, atual presidente do clube de cinéfilos.

O atual projeto do Cineclube está sendo exibido no Nalva Melo Café Salão, na Ribeira: "Morena/Loira - O Cabelo no Cinema", é uma mostra que reúne ícones femininos do cinema aos respectivos filmes em que elas brilharam. A cada sessão a cabeleireira Nalva Melo prepara o cabelo de uma convidada, que é apresentado antes da projeção. No começo da semana já foi exibido um ruivo visual a la Rita Hayworth, referente ao clássico "Gilda". As sessões continuam até domingo, com "O Cabelo de Mia - O Bebê de Rosemary" (dia 29), "O Cabelo de Anna - O Marido da Cabeleireira" (30), e "O Cabelo de Penélope - Abra os Olhos" (31), sempre às 20h.

O projeto cinematográfico/capilar, segundo Pedro, é uma das formas que o Cineclube usa para popularizar seu conceito de bom cinema. "A gente também quer servir como um guia para quem deseja conhecer mais sobre cinema. Sempre atrelamos um debate às nossas sessões", diz. O Cineclube realiza encontros mensais, alternando-se entre Nalva Melo e o Teatro de Cultura Popular. "Condensamos nossa programação fazendo projetos mensais que duram uma semana. Há mais tempo para produzir e o resultado é melhor", explica.

O presidente do Cineclube acredita que o foco na qualidade será o diferencial para quem deseja viver de cinema no atual cenário. "As locadoras de vídeo que ainda sobrevivem são aquelas cujo dono entende e gosta de cinema, e monta um acervo variado, fugindo do óbvio", diz. Pedro Fiúza admite que a internet e seus downloads tornaram tudo mais fácil, porém ainda é preciso uma 'curadoria' para separar o joio do trigo. Novamente, ele ressalta a qualidade do material como a diferença. "As coisas vão ficar cada vez mais específicas, e o mercado ainda está se adaptando. Trabalhar pensando apenas no lucro não é o caminho", completa.

Uma videolocadora sobrevivente

O empresário e cinéfilo João Batista Júnior já  foi indagado diversas vezes sobre como mantém sua Planeta Videolocadora funcionando há nada menos que 16 anos, em Petrópolis. Ele, apreciador inveterado de cinema, apenas colocou nas prateleiras o que gosta de assistir. E muita gente que leva cinema a sério acompanhou. "A maioria das pessoas gosta das coisas mais fáceis, e a pirataria aumentou isso. Eu segui por outro caminho, por isso ainda estou no ramo", analisa.   

A Planeta Vídeo tem um acervo de seis mil DVDs, e 300 Blu Rays - a atual aposta de Júnior.  "A qualidade do Blu Ray é infinitamente superior a do DVD, e isso tem ajudado a dar novo fôlego para o mercado", diz. Aliado a isso, o diferenciado acervo que sempre foi o ponto forte da locadora. "Eu digo que tenho uma percepção natural pra cinema. Pesquiso sobre os clássicos e também sobre as novidades, acho que isso ajuda a enriquecer o acervo", afirma.

As opções da Planeta passeiam por desde os primórdios do cinema até os lançamentos - e obscuridades. "Cinema tem a ver com mídia, e muita coisa que está fora e passou despercebida está por aqui", diz. A locadora tem clássicos, filmes B, noir, terror, cinema underground, filmes europeus e orientais, e os blockbusters básicos. Atualmente a locadora passou por uma reforma e conta com um agradável café, com cinco mesas e opções em salgados, chocolates, refrigerante e vinhos. Estará funcionando pra valer daqui a um mês. "Foi um pedido dos clientes que eu atendi", diz ele, ressaltando que mesmo com a derrocada das locadoras, sua clientela aumentou.  "O público da casa realmente ama cinema. Somos quase um clube. A situação difícil acabou por consolidar essa relação", atesta.

O melhor da sétima arte para o povo

O foco na paixão real pelo cinema fez de um ponto de camelô, no shopping popular da Cidade Alta, um clube de cinéfilos e de gente ilustre até de outros estados. Assim nasceu, há cinco anos, o 7ª Arte. O criador da casa, o Paulista, lembra que a ideia surgiu de  uma necessidade pessoal. "Sou de São Paulo, e não encontrei em Natal a variedade cultural que tinha por lá. Então peguei meu acervo pessoal, copiei, e comecei a vender. Achei que não daria em nada. Mas para minha surpresa, em pouco tempo surgiu uma clientela enorme e ávida por coisas boas", conta. Apenas no boca a boca, a oferta de filmes clássicos e europeus foi se tornando popular. E crescendo.
adriano abreuO espaço Sétima Arte, no Camelódromo, recebeu visitas da atriz Marcélia Cartaxo e do crítico Luiz Carlos MertenO espaço Sétima Arte, no Camelódromo, recebeu visitas da atriz Marcélia Cartaxo e do crítico Luiz Carlos Merten

Hoje, a 7ª Arte tem um acervo de 13 mil filmes. A clientela da casa troca informações, dá dicas, e  muitas vezes cede seus próprios filmes para cópia. O local é bastante frequentado por colecionadores, estudantes e formadores de opinião, já se tornado um referencial.

Cineastas potiguares vêm deixar suas produções para serem divulgadas e comercializadas no local. Caso de "Inácio Garapa, um matuto sonhador" (Jota Gomes),  "Caldeirão do Diabo" (Edson Soares), "Sangue do Barro" (Fábio de Silva e Mary Land Brito) e "Boi de Prata", entregue a eles pelo próprio Lenício Quiroga, ator do filme.

A fama do 7ª Arte já atravessou fronteiras potiguares. A atriz Marcélia Cartaxo veio pessoalmente ao local comprar uma cópia de "A hora da estrela", filme que lhe rendeu um Urso de Prata no Festival de Berlim. Ela não tinha em DVD. "Foi emocionante para nós. O melhor que ela nos recomendou pra todo mundo que conhecia, e muita gente de fora veio aqui para comprar esse filme", diz Paulista.

Até o crítico Luiz Carlos Merten, um dos mais conhecidos do país, que escreve atualmente no jornal O Estado de S. Paulo, esteve por lá e elogiou o local  em seu blog.  "Já demos suporte para livros de cinemas, recebemos estudantes de cinema, e promovemos o cinema potiguar. Não é apenas um negócio", conclui.

Serviço:

Morena/Loira - O Cabelo no Cinema. De sexta a domingo, às 20h, no Nalva Melo Café Salão, Ribeira.

Entrada livre.

Planeta Videolocadora. Rua Trairi, 579, Petrópolis. Tel.: 2010-0617.

7ª Arte. Av. Ulisses Caldas, Centro. Tel.: 8836-5050.

CORAL DA POTIGÁS

Através do Coral da Potigás, a Companhia Potiguar de Gás, vem despertando o prazer pela arte e valorizando a cultura local. Cantar no coro é uma das funções extracurricular em que os funcionários da empresa são estimulados a participar. No coral cantam as copeiras, o engenheiro, a secretária, a diretora de recursos humanos, o vigia, entre outros. No momento de ser coralista a hierarquia muda de lugar. Todos são iguais, unidos através da música que acontece a partir dessa mistura sonora de diferenças, do amor pela arte e pela dedicação à empresa Potigás.
Os ensaios acontecem nas sextas-feiras das 17h-20h. Podem participar os funcionários da empresa, familiares, amigos e convidados. Os interessados em ingressar no coral podem escrever um email para acisum2@yahoo.com.br. Confiram as fotos dos ensaios:

Opções delazer para este final de semana em Natal (29 à 31 de julho)





Da redação do DIARIODENATAL

SEXTA-FEIRA
Cinema: A mostra O Cabelo no Cinema, organizada pelo Cineclube Natal, exibe hoje O bebê de Rosemary (Rosemary's baby). Amanhã, O marido da cabeleireira (Le mari de la coiffeuse). E domingo, Abra os olhos (Abra los Ojos). Início: 20h. Local: Nalva Melo Café Salão (Av. Duque de Caxias, Ribeira). Ingresso: R$ 2. Contato: 3212-1655.

Grog: A banda de rock Os Grogs e a banda cover de Bon Jovi, New Jersey, se apresentam hoje no Consulado Bar (Ribeira). Início: 22h. Couvert: R$ 5. Contato: 3201-4659.

Pênis: A peça Diálogo dos Pênis, com Roberto Lopes e Marcos Wainberg, será encenada hoje e amanhã (às 21h) no Teatro Alberto Maranhão (Ribeira), e domingo (às 20h). Vendas na Ótica Diniz do Midway Mall. Contato: 3213-8245.

Destrilhados: A peça encenada hoje na Casa da Ribeira é fruto da parceira do projeto ArteAção com o Grupo de Teatro do Concreto de Brasília. Início: 19h. Gratuito.

Instrumento: Entre 7 e 15 de outubro, Natal receberá concertos executados por alguns dos maiores nomes da música erudita do mundo. Serão recitais, sinfonias, sonatas, big bands espalhadas em mais de oito pólos da cidade e 24 oficinas abertas a estudantes de todo o Brasil. A inscrição começa já em 1º de agosto e prossegue até 1º de setembro. Contato: 8885-2004.

Circo: O espetáculo AbraKadabra apresentado pelo Tihany Spectacular, o maior circo da América Latina, estreia hoje na BR 101 (ao lado do pórtico). Sessões de terça a sexta: 20h / Sábados: 16h30 e 20h / Domingos e feriados 16h e 19h30. Valores: R$ 20 a R$ 120. Vendas: Bilheteria do Tihany BR 101, no site www.livepass.com.br ou no Praia Shopping. Contato: 4141-3468.

Haja dor: Espetáculo Dolores, encenado no TAM e na Casa da Ribeira, volta ao Teatro de Cultura Popular Chico Daniel para contar a trajetória da cantora e compositora Dolores Duran (Cláudia Magalhães) e a amizade com o cronista Antônio Maria (Isaque Galvão). Às 20h. Entrada: R$ 20 e R$ 10 (meia). Contato: 3232-5307 / 9405-2806.

Páprika: Tânia Soares traz sua MPB e Bossa Nova ao palco do Páprika. Amanhã, a bandaThe Five com pop nacional. Domingo, mais música ao vivo com a MPB de Breno Amorim. A partir das 21h. Em Ponta Negra (antigo Decky). Contato: 3219-3865 / www.paprika.com.br

Peppers: Sobe ao palco do Pepper's Hall a rainha do Forró, Eliane. CPI do Forró, completa a noite. Amanhã, acontece a festa Pepper's Hall e Maranello I'm in Miami B****". A noite eletrônica conta com o Dj L'adour de Miami, Sj Santz (banda Yow!) e Dj Felipe BZ. Vendas antecipadas, Oculare do Midway. Contato: 3236-2886.

Sábado
Catita: O samba raíz do grupo Arquivo Vivo é a atração no Buraco da Catita (Ribeira). Repertório que vai de Adoniran a Pixinguinha, passando por Cartola, João Nogueira, Monarco, Candeia, Ataulfo, Dona Ivone Lara e muito mais. Às 21h. Couvert: R$ 5.

Galinha: O famoso musical infantil A Galinha Pintadinha chega a Natal pela em forma de espetáculo teatral neste sábado e domingo, às 17h, no Teatro Alberto Maranhão. Os personagens vão alegrar o público com as músicas que promovem aproximação entre gerações, já que as crianças cantam as canções que seus pais cantavam na infância. Ponto de venda: Livraria Nobel (3202-3600).

Arreégua: A Vaquejada da Grande Natal apresenta quatro bandas para animar o Cidade dos Cavaleiros, em Parnamirim: Cavaleiros do Forró, Forró da Pegação, Deixe de Brincadeira e Sirano & Sirino.

Jovem: A banda MobyDick tocará músicas da Jovem Guarda no palco do Tiberius Eventos (antigo Budda Pub, na av. Roberto Freire), a banda fará uma viagem ao passado, além de resgatar a moda, música, arte e o comportamento de nossos anos dourados. Ainda Dj Mobile. Às 21h. Mesa: R$ 80, e Individual: R$ 20. Reservas: 9117.8816 / 8835.7043 / 9117.1757.

Riachuelo: O sambista Diogo Nogueira se apresenta no Teatro Riachuelo, às 21h. Ingressos: Loja Elementais (Midway - 3213-2934). Frontstage: R$ 100 e R$ 50 (meia). Plateia, Camarote, Frisa ou Balcão Nobre: R$ 120 e R$ 60 (meia).

Domingo
Cavalgada: O Museu do Vaqueiro em parceria com a Fundação Hélio Galvão realizam cavalgada em defesa da área de proteção ambiental Bonfim-Guaraíras. Saída às 9h do Ecoposto da Lagoa do Bonfim. Chegada às 14h, em Tibau do Sul. Contato: 9406-9454.

Anões: O elenco potiguar da Cia. Manacá de Teatro apresenta em Mossoró a montagem do clássico secular do contos infantis, Branca de Neve e os Sete Anões, às 17h, no Teatro Dix-Huit Rosado. Contato: 9409-4440.

Praia Shopping: Todos os domingos do mês de julho, das 16h às 18h, brincadeiras comandadas pelos palhaços Olelê e Olalá, contação de história e teatrinho para as crianças. A primeira peça será a Galinha Pintadinha. O Praia Shopping também realiza campanha de arrecadação de livros para as crianças do Núcleo de Amparo ao Menor (NAM). As doações podem ser feitas de segunda a sábado, das 10h às 22h, e aos domingos, das 11h às 21h.[an error occurred while processing this directive]cadastro/capa_cadastro/" class="yellowlight">Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.

10+ de Clotilde Tavares (Séries de TV)

Marcos Sá de Paula do NOVO JORNAL


Clotilde Santa Cruz Tavares é paraibana de Campina Grande e radicada em Natal. Graduada em Medicina pela UFRN e mestre em Nutrição em Saúde Pública pela UFPE, mas o Teatro, a Literatura e os estudos sobre Cultura Popular sempre tiveram destaque na sua vida, como atividade paralela. A partir de 1993 passou a se dedicar apenas às atividades artísticas e intelectuais. Aposentada da UFRN, exerce intensa atividade cultural na Paraíba e no Rio Grande do Norte, escreve em jornais, é atriz de teatro e cinema, dramaturga e pesquisadora da cultura popular.
Já publicou mais de 30 títulos entre peças teatrais, livros e folhetos de cordel. É membro da Comissão de Folclore do RN, do Instituto de Genealogia e Heráldica da Paraíba, do Instituto de Norte-Riograndense de Genealogia, do Instituto Histórico e Geográfico do Cariri, da União Brasileira de escritores e ocupa a Cadeira 23 do Colégio Brasileiro de Genealogia. Mantém sites na Internet, administra listas de discussão sobre temas culturais e faz presença diária em redes sociais como o twitter. É nerd e… seriemaníaca!  Acompanha umas vinte séries por semana, e fica revendo as temporadas anteriores. Gosta de acompanhar na TV, porque baixando da Internet perde a adrenalina que embala as apresentações em capítulos semanais. No seu blog (http://umaseoutras.com.br) há vários posts sobre o assunto. Assim sendo, a coluna pediu a Clotilde que enumerasse as séries americanas, em cartaz atualmente, que ela acompanha com fervor quase fanático.

Breaking Bad – O argumento foge ao comum e mostra a vida dupla de um respeitável professor de química que fabrica e vende drogas para garantir o futuro da família. O ator Brian Cranston em excelente desempenho e as cenas violentas e cruas são de tirar o fôlego;

Criminal Minds – Um grupo de peritos em análise comportamental do FBI desvendando crimes, com tramas paralelas que mantêm o suspense através da temporada. Bonitões enfeitam a tela, como o Dr. Spencer Reid (Matthew Gray Gubler) e o deus-grego Derek Morgan (Shemar Moore), sem falar na hacker Penelope Garcia (Kirsten Vangsness),  invadindo sistemas de computadores para obter informações que levem à captura dos criminosos;

C.S.I. Miami – Visual grandioso, cores atordoantes, atores lindos, roteiro bem amarrado. Um belo trabalho de edição e fotografia, com seus enquadramentos e movimentos de câmera; de novo muito homem bonito e o charme do detetive Horatio Caine (David Caruso), além das visões impressionantes da cidade de Miami e região do Everglades;

C.S.I. Vegas – Essa série é a pioneira da franquia C.S.I, e me encantou por muito tempo com o personagem Gil Grissom (William Petersen) e sua personalidade workholic. A perícia para mim é uma paixão, e sempre foi um dos meus ramos preferidos na Medicina. Além das boas histórias, a série é uma visão de futuro, um show de novidades tecnológicas que em breve vão estar disponíveis a serviço da Justiça no mundo inteiro;

Game of Thrones – Dizer o quê? É uma das mais espetaculares realizações da TV nos últimos tempos. Reproduzir fielmente o portentoso universo ficcional criado por George G.G. Martin parecia tarefa impossível, mas a produção conseguiu fazer tudo perfeito. Tudo, tudo irrepreensível;

Harry’s Law – Essa série é nova, e entra na lista como se fosse uma aposta que faço na qualidade dela, a partir do primeiro episódio, único exibido no Brasil na segunda-feira passada. Estrelada pela grande Kathy Bates, é meio bizarra e esquisita mas no primeiro episódio há uma argumentação tão espetacular e consistente sobre a descriminalização das drogas que eu resolvi acompanhá-la;

Law & Order S.V.U. – O tema é investigação criminal, e você já deve ter notado que eu dou tudo por uma boa história de detetive. A série conta com a presença da lindíssima Mariska Hargitay, filha da saudosa Jayne Mansfield;

The Big Bang Theory – Quatro nerds e suas inadequações no mundo dos namoros e relações sociais. O humor é inteligentíssimo, com muitas referências científicas e intelectuais; os atores são excelentes com Jim Parsons na pele de Sheldon Cooper, um dos tipos mais bens construídos da dramaturgia televisiva. Eu, eterna nerd adolescente, me identifico com todos eles;

The Good Wife – Atores excelentes e lindos, como Juliana Margulies, Josh Charles e Chris Noth, só para citar três deles. Uma trama excelente, envolvendo traição e luta pelo poder, expondo os bastidores da política do sistema judicial americano;

Two and a Half Men – A glorificação do politicamente incorreto na pessoa do beberrão e mulherengo Charlie Harper (Charlie Sheen) que agora está fora da série, em vias de ser substituído por Ashton Kutcher. Não importa. Continuo vendo de novo os episódios das oito temporadas anteriores e rindo a valer com as safadezas de Charlie, secundadas pelo excelente time de coadjuvantes: a mãe-devoradora Evelyn, a empregada Berta, a vizinha maluca Rose.


quinta-feira, 28 de julho de 2011

Semana da Música 2011 – inscrições em 1º de agosto

 

A partir do dia 01 de agosto, até o dia 01 de setembro ficam abertas as inscrições para a Semana da Música 2011. Interessados acima de 14 anos podem participar se inscrevendo no site http://semanadamusica2011.wordpress.com/ .  Após o processo de inscrição, será feita a seleção dos candidatos. Em caso de aprovação, o valor da matrícula será de R$50 reais, a serem pagos no período de 15 de setembro a 03 de outubro, através de depósito bancário. A Semana da Música 2011 oferecerá metade das vagas gratuitamente para os primeiros colocados de cada instrumento.
Com o patrocínio da Petrobrás e do Ministério da Cultura, o evento este ano contará com 24 músicos convidados (18 nacionais e 6 internacionais), além de vasta programação que inclui recitais, concertos, oficinas e shows.
Procedimento de inscrição para as oficinas de canto, instrumento ou regência: Leia mais “Semana da Música 2011 – inscrições em 1º de agosto” →

Mais informações em:http://www.musica.ufrn.br/em/

Projeto Ressonâncias traz recital, masterclasses e workshop para EmUFRN


O projeto Ressonâncias realiza no próximo dia 11, masterclasses e workshop na Escola de Música. Com o patrocínio da Petrobrás e realização do Ministério da Cultura, o projeto viaja o Brasil difundindo a música de concerto. Além das atividades didáticas, o projeto Ressonâncias traz ainda o grupo de câmara Sonâncias realizando concerto de música contemporânea às 20h no auditório da Escola de Música Acompanhe a programação abaixo:
Dia 10 de agosto
20h – Recital de música contemporânea com o grupo Sonâncias no auditório da Escola de Música
Dia 11 de agosto
9h às 12h – Masterclass de piano e música de câmara com Lidia Bazarian. (4 vagas)
9h às 12h – Masterclass de música barroca com Teresa Cristina Rodrigues (7 vagas – aberto a todos os instrumentistas de cordas, com prioridade aos violoncelistas)
14h às 17h – Masterclass de clarinete e música de câmara com Giuliano Rosas (4 vagas)
14 às 17h – Workshop “O Violino nos Séculos XX e XXI” com Eliane Tokeshi (1 vaga)
As vagas oferecidas se referem apenas aos alunos que serão escolhidos para se apresentar nos eventos. Todas as atividades didáticas serão abertas aos alunos ouvintes, sem necessidade de inscrição prévia.
Os interessados em participar  deverão se inscrever até o dia 29 de julho exclusivamente através do e-mail contato@projetoressonancias.com.br, identificando o assunto como “INSCRIÇÃO PARA WORKSHOP”. No e-mail, deverá constar anexo com documento em formato PDF com as seguintes informações: Leia mais “Projeto Ressonâncias traz recital, masterclasses e workshop para EmUFRN” →

Documentário "Os herdeiros de Vargas" terá pré-estréia realizada em Natal

 
Da redação do Diário de Natal

O Longa-metragem "Os herdeiros de Vargas, Memórias do Brasil e do Mundo", terá a pré-estréia realizada no próximo dia 24 de agosto, em Natal/RN. O documentário será exibido durante a abertura do Encontro Norteriograndense dos Advogados Trabalhistas (ENATRA 2011), no Auditório da FIERN.

Com direção e roteiro de Yacy Nunes e Daniel Zarvos, o documentário foi realizado de forma independente e busca resgatar a história do Brasil através de personalidades que presenciaram fatos marcantes do nosso país, juntamente com a participação de lideranças da atualidade. O roteiro foi escrito com base em uma pesquisa iniciada há 10 anos, a partir de histórias narradas pelos ex-presidentes José Sarney e Luis Inácio Lula da Silva, assim como outros políticos brasileiros.

Para o resgate dessa história, a roteirista Yacy Nunes contou com 200 entrevistas. "São personagens de diferentes perfis que vão desde presos na ditadura militar e exilados, àqueles que lutaram pela anistia, a redemocratização e a restauração da liberdade de expressão", detalhou a cineasta. O documentário tem uma 1h50min de duração.

Evento


Os diretores escolheram a cidade para o lançamento e especificamente durante o ENATRA pelo fato do evento ter como temática “CLT: De Vargas a Lula. Avanços, Retrocessos e perspectivas”. O encontro será realizado de 24 a 26 de agosto de 2011 pela Associação Norteriograndense dos Advogados Trabalhistas (ANATRA) em conjunto com a Ordem dos Advogados do Brasil Seção Rio Grande do Norte (OAB-RN).

Ficha Técnica

FILME:Os herdeiros de Vargas, Memórias do Brasil e do Mundo
GÊNERO:Documentário
FORMATO: Longa Metragem
SINOPSE - Trata-se de um longa-metragem de 100 min,que trata do período histórico brasileiro de 1954 à 1984 através dos depoimentos de diversos políticos e personalidades que participaram ativamente do processo político do Brasil nesses 30 anos, a partir do último governo de Getúlio Vargas.

Festival de Dança: III Encontro de dança contemporânea do RN

Fonte: Jornal Tribuna do Norte

Sedução. Essa é a palavra chave para abrir as portas da terceira edição do Encontro de Dança Contemporânea do RN, em cartaz na capital potiguar a partir do próximo dia 1 de agosto nos principais teatros natalenses. Até o dia 7, espetáculos de grupos consagrados como o Balé da Cidade da São Paulo e a Quasar Cia de Dança (GO), e nomes respeitados no cenário nacional como a crítica de dança paulista Helena Katz desembarcam para intensa troca de experiência com bailarinos da cidade. Oficinas, debates e palestras também estão na programação, que ainda inclui presença de grupos locais.
divulgaçãoBalé da Cidade de São Paulo  apresenta Divinéia no RiachueloBalé da Cidade de São Paulo apresenta Divinéia no Riachuelo

"O Encontro cresceu bastante em relação aos anteriores, extrapolou as fronteiras do RN", afirma Diana Fontes, coordenadora geral do evento. Ela adianta que todas as vagas para as oficinas já foram preenchidas e que pessoas de outros estados tentaram se inscrever e não conseguiram: "No próximo ano vamos ter que considerar essas visitas", planeja.

Para Diana, a palavra sedução é o grande mote deste ano. "Por um lado queremos conquistar o público, seduzir a plateia; por outro, precisamos mostrar aos gestores que somos uma cidade dançante. Temos dois mil alunos interessados em cursar dança por ano nas três principais escolas de Natal (EDTAM, Balé Municipal e UFRN), a cidade é privilegiada nesse sentido, mas não temos como absorver todos esses talentos", avalia a produtora.

A abertura oficial do Encontro acontece na terça-feira (2), no Teatro Riachuelo, com o espetáculo "Divinéia" do Balé da Cidade de São Paulo, que se apresenta pela primeira vez em Natal. Na mesma situação de ineditismo está a companhia goiana Quasar. "Excetuando a estreia, a programação está dividida em dois núcleos principais: Casa da Ribeira e Teatro Alberto Maranhão. Na primeira, teremos atividades vespertinas voltadas para um público que já tem certa familiaridade com a dança, é na Casa da Ribeira onde acontecem os principais debates e onde estão concentradas as apresentações, digamos, mais conceituais. Já no TAM, são os grandes espetáculos destinados a um público mais amplo", adianta.

Serviço

3º Encontro de Dança Contemporânea, de 1 a 7 de agosto

Ingressos antecipados à venda na Rio Center do Natal Shopping por R$ 30 e R$ 15 (meia) - nesta quinta, o site de compras coletivas www.peixeurbano.com.br realiza promoção com ingressos a R$ 10 (preço único).

Programação completa e informações no endereço: www.encontrodedanca.com

quarta-feira, 27 de julho de 2011

CONFRARIA DO CHORO DE NATAL



CONFRARIA DO CHORO DE NATAL
 
 
 Caros Amigos e Amigas,
 
Vamos para o 6º encontro, que srá realizado no Veleiros Restaurante, na companhia de Ricardo que nos receberá para mais uma noite de boa música, será nesta próxima quinta dia 28, a partir das 19:30. Lembrem de levar um quilo de alimento não perecível, continuamos com a nossa campanha em prol do Lar da Vovozinha!
 

Um palco para chamar de seu


Yuno Silva
repórter
Fonte: Jornal Tribuna do Norte

Foi-se o tempo que as grandes gravadoras ditavam as regras do mercado fonográfico, e decidiam quem ia fazer sucesso ou tocar nas rádios. Por sua vez, o jabá está mais discreto e, por mais que se negue, ainda existe e continua restringindo o concorrido segmento musical. Mesmo com a quebra parcial desse ciclo vicioso, a forma como se consome música nunca mais foi a mesma desde a popularização da internet e da revolução tecnológica, mas, apesar de tudo, uma coisa continua imutável nesse meio: a busca desenfreada por um lugar ao sol, e é nessa hora que os festivais entram em cena.
rodrigo senaDe volta após a não realização em 2010, Festival Mada tem a árdua tarefa de montar uma programação híbrida que atraia público, entre os nomes consagrados e artistas ainda desconhecidosDe volta após a não realização em 2010, Festival Mada tem a árdua tarefa de montar uma programação híbrida que atraia público, entre os nomes consagrados e artistas ainda desconhecidos

Se por um lado as bandas querem aparecer a todo custo, por outro o público precisa de um filtro poderoso para ouvir o que vale a pena, e os festivais acabam servindo como referência. Nem o surgimento de fenômenos midiáticos como a espalhafatosa Lady Gaga, a já veterana Malu Magalhães ou A Banda Mais Bonita da Cidade, nova queridinha do momento com mais de 6,5 milhões de acessos ao vídeo "Oração", alteram essa constante procura por espaço.

Em Natal, cinco festivais estão na agenda para 2011, abrindo uma brecha no buraco negro do trânsito musical por aqui, além de ser um filtro ao aglutinar atrações musicais que, de certo modo, estão despontando. É o caso dos Festivais Mada, DoSol, MPBeco e Música Potiguar Brasileira (FM Universitária), mais a Semana da Música. Cada um tem seu foco específico e um perfil determinado, mas todos se justificam pelo mesmo motivo: conferir visibilidade.

Mada volta mantendo o híbrido entre indie e música pop

Com treze anos de estrada, o Festival Música Alimento da Alma deixou de acontecer em 2010 por uma série de motivos e há alguns anos amarga uma crise de identidade: afinal de contas o evento existe para conferir espaço privilegiado aos artistas da cena independente ou trata-se de um festival com atrações renomadas que traz de brinde uma programação com nomes menos conhecidos?

Para Jomardo Jomas, idealizador do Festival Mada, o formato é assumidamente híbrido: "Primeiro precisamos esclarecer que esse é um formato consagrado em outros lugares do Brasil e do mundo, ou seja, não dá para viabilizar a estrutura apenas com bandas desconhecidas do público", garante o produtor. Segundo ele, a captação de recursos através de leis de incentivo é insuficiente para cobrir todos os custos. "Ano passado passamos em branco, e a falta de patrocínio foi um dos motivos. O período eleitoral também foi um elemento complicador, tive pouco tempo para organizar e preferi concentrar esforços para retomar em 2011", salienta.

Realizado desde 2004 na Via Costeira, o Mada deste ano já está marcado: será dias 23 e 24 de setembro. A programação deste ano ainda não foi fechada, mas alguns nomes já foram confirmados como as potiguares Planant, AK 47 e Pedubreu; a carioca Tipo Uísque, a paulistana Dollar Furado e a pernambucana A Nave. "Ainda estamos sondando atrações, tentando articular alguns encontros no palco, mas não tenho como adiantar muita coisa pois ainda estamos na fase de negociação", justifica Jomardo, que jura de pé junto que o fato da data do Festival coincidir com o Rock in Rio não está atrapalhando as conversas. Para este ano, o produtor também pretende trazer uma banda da Argentina e outra da Colômbia, e seus planos também incluem a realização, em 2012, de uma edição do Festival Mada em Belo Horizonte. Em 2011, o evento conta com patrocínio da Cosern e do Governo do RN através da Lei de incentivo Câmara Cascudo.

DoSol sai da vertente purista e investe no pop

Apostando no mesmo filão pop-rock-indie, o Festival DoSol caminha para sua oitava edição em novembro, entre os dias 4 e 13. Realizado na Ribeira, seu foco prioriza o rock, fato que, de certa forma limita o público. Mas está saindo dessa vertente purista e seguindo o caminho semelhante ao Mada.

Questionado sobre a crescente profissionalização do segmento, o produtor Anderson Foca verifica que "existe uma superpopulação de bandas, e isso torna o mercado mais exigente. Os grupos precisam ter uma apresentação mais elaborada para conseguir espaço. Isso é muito positivo", garante. "Acredito que os festivais são uma boa plataforma para novos trabalhos", completa. De acordo com Foca, eventos desse tipo contribuem para diminuir o abismo entre atrações locais e de outras partes do país. "O público também tem acompanhado essa evolução", aposta.

Entre os nomes já confirmado para 2011 destaque para Tulipa Ruiz (SP), Madame Saatan (PA), Talma&Gadelha (RN), Canastra (RJ), BNegão e Seletores de Frequência (RJ), Hossegor (RN), Monster Coyote (RN), Vivendo do Ócio (BA), Guachass (Uruguai) e Galinha Preta (DF). "Cada edição que vai a rua é como um gol de placa em final de Copa do Mundo, e a presença do Marky Ramone ano passado foi um momento glorioso para o DoSol. Foi um sonho realizado", aponta. O Festival DoSol é patrocinado pela Petrobras (Lei Rouanet), e pela Oi e Governo do RN (Lei Câmara Cascudo).

MPBeco tem o foco nos compositores

Diferente dos festivais Mada e DoSol, que abrem espaço para as bandas divulgarem seu trabalho, o Festival MPBeco é competitivo, distribui prêmios em dinheiro nos mesmo moldes dos antigos eventos do gênero, e é movido pela intenção de garimpar novos compositores. "A qualidade do material inscrito cresce a cada ano. Lembro que, no início, recebíamos gravações voz e violão, hoje vemos gravações profissionais com partitura. Vejo isso como resultado de todo um processo de amadurecimento e fico satisfeito em poder contribuir", disse o produtor Júlio César Pimenta.

"Como nossa intenção é garimpar novos talentos, cito um exemplo prático de como estamos contribuindo: veja o caso do músico Júlio Lima. Ele venceu na categoria melhor intérprete e com o dinheiro do prêmio gravou o CD 'Há sempre música'", lembra Pimenta, que adiantou o nome das atrações convidadas para o festival: Cida Lobo abre o primeiro dia; DuSouto abre o segundo e Escurinho (PB) fecha; Maguinho da Silva, que venceu em 2010, abre a final e o cearense Cidadão Instigado fecha o terceiro dia de shows. O MPBeco será realizado dias 1, 8 e 15 de outubro no centro da cidade, está com inscrições abertas (inclusive pela internet) até o próximo dia 13 de agosto e o valor para o primeiro colocado chega a 3,6 mil reais. Está amparado nas leis de incentivo estadual (Câmara Cascudo) e municipal (Djalma Maranhão) e tem patrocínio da Cosern, Destaque, CPGeo e Cardio Centro.

Semana de Música extrapola o campus e ganha espaços

Com um perfil bem diferente dos demais, a Semana da Música entra em cena entre os dias 7 e 15 de outubro para dar visibilidade à música produzida na academia. Vinculado à Escola de Música da UFRN, o festival pretende incrementar o circuito de música erudita e proporcionar qualificação de alunos da EMUFRN com a promoção de oficinas ministradas por sumidades da área.

"Trata-se de uma mostra anual realizada desde os anos setenta, cujo intuito é apresentar a produção musical acadêmica, mas que só agora está extrapolando os muros da Universidade. Esse movimento começou ano passado, e em 2011 a dimensão foi ampliada", adianta a produtora Ilana Félix. Sob coordenação do professor Amandy Araújo, a Semana de Música trará a Natal 24 professores renomados.

"Queremos promover uma programação descentralizada nos moldes dos principais festivais de música erudita do Brasil, como Campos do Jordão e Curitiba, e ocupar espaços como a Ribeira, realizar apresentações públicas e em associações e ongs", enumera Ilana.

Festival quer descobrir a nossa "MPB"

O novato da lista é o FMPB, ou Festival Música Popular Brasileira. Promovido pela FU Universitária, o festival foi criado este ano para servir como etapa estadual para o Festival da Arpub (Associação  das Rádios Públicas do Brasil). Dividido em duas categorias - instrumental e com letra - a premiação inclui veiculação das 26 músicas pré-selecionadas na programação da rádio entre 15 de agosto e 15 de setembro, e as duas vencedoras estarão automaticamente habilitadas para a etapa nacional em outubro.

"O corpo de jurados será composto por músicos da EMUFRN, produtores culturais e artistas, mas como as inscrições foram encerradas na última sexta-feira (22) ainda não definimos todos os nomes, Até agora confirmamos a presença da pesquisadora musical Leide Câmara nessa comissão", adianta Marcone Maffezzolli, diretor da FMU.

Reginaldo Rossi realiza apresentação inédita em Natal




Da redação do Diário de Natal
Ainda restam ingressos de pista para o show Cabaret do Rossi, que ocorrerá no dia 6 de agosto, a partir das 20h, com apresentação inédita em Natal do rei do brega, Reginaldo Rossi, no Teatro Riachuelo. Mesclando o amor exagerado de um coração partido pela dor, o romântico-brega Reginaldo Rossi, por muitos chamado de "Rei", lança seu mais novo trabalho, Cabaret do Rossi, tido pela crítica como seu melhor registro em vídeo.

Além da releitura de sucessos populares, o show trará todos seus grandes sucessos. Em um ambiente intimista, Rossi fará do palco um luxuoso cabaret. Reginaldo Rossi iniciou sua carreira artística em 1964 sob a influência dos Beatles e integrando-se à Jovem Guarda. Orgulha-se ao dizer que foi o primeiro cantor de rock do Nordeste, quando comandava o grupo The Silver Jets. Tem mais de trezentas composições gravadas e faz uma média de 25 shows por mês. Ingressos a R$ 100 ou R$ 50 (meia). Informações: 3620-5262.

MARIANO TAVARES - Letras e vídeos





Disfarce

Mariano Tavares

Composição: Mariano Tavares/ Rosa Maciel
 
Não sei o que há em mim que é só terra
Musgo, trapaça, cordade de equilibrista
Que o tempo gasta, para-quedas
Que não se abrem no ar
Sapato de dançarino quando se arrasta
Velhas tatuagens que voltam ao mar
Não sei o que há de mim no mundo
Se seu amor terei tido ou deixado ir
Já sei que habito o vinho das taças
E ignoro as horas que passam
O espiral de tudo ao redor
Monolito, Âncora, franco-atirador
Página, disfarce, artéria
Seja como for.


CICATRIZ

Mariano Tavares

Composição: Mariano Tavares
 
Lá fora estão os medos do passado
Lá fora os discos tocam apressados
E só te peço, amor
Não durma sozinha
Meus filtros eliminam a passagem
O opaco da janela, a sua imagem
Tudo era anterior
Seu olho de fibra
Os frutos que escorrem pelo meu jardim
Conquistam a manhã aqui ou em Pequim
Seu rastro eu quase explico
E acredito no exercício dessa cicatriz
Agora entro em desordem com a cidade
Subi todas as ruas antes de dormir
Só não te peço, amor
Que apague o caminho
Não quero muito mais do que viagens
Amores, sombras, ritos e passagens
Por onde você for
Não durma sozinha

Para saber mais sobre o cantor Mariano Tavares visite: 

Para baixar o cd "O Sobrado" de Mariano Tavares acesse: http://marianotavares.bandcamp.com/

Para saber sobre o novo CD acesse também: http://sempararmarianotavares.blogspot.com/

CURSOS GRATUITOS NO IFRN

Edson Cordeiro hoje no Teatro Riachuelo (27/07)


Da redação do DIARIODENATAL.COM.BR
 
O cantor Edson Cordeiro se apresenta nesta quarta-feira (27), a partir das 21h no palco do Teatro Riachuelo. Neste show Cordeiro interpreta canções de grandes divas da música, entre elas: Billie Holiday, Yma Sumac, Shirley Bassey, Zarah Leander, Edith Piaf, Madonna, além das brasileiras Carmen Miranda, Elis Regina e Dalva de Oliveira.

Curso Técnico em Música abre inscrições de 1º a 14 de agosto de 2011

 
Da redação do DIARIODENATAL.COM.BR

Começa em agosto, o prazo de inscrição para o processo seletivo do curso técnico da Escola de Música da UFRN 2012. Ao todo estão sendo oferecidas 124 vagas distribuídas entre as habilitações de Canto, Gravação Musical, Regência, além dos instumentos Baixo Elétrico, Clarinete, Contrabaixo Acústico, Fagote, Flauta Doce, Flauta Transversal, Guitarra, Oboé, Percussão, Piano, Piano Popular, Saxofone, Trombone, Trompa, Trompete, Tuba, Viola, Violão, Violão Popular, Violino e Violoncelo.

As inscrições podem ser feitas pelo site da COMPERVE http://www.comperve.ufrn.br/ de 1º a 14 de agosto e terão o custo de 30 reais. Alunos que desejam isenção da taxa de inscrição deverão preencher formulário no mesmo site até o dia 7 de agosto. A lista dos candidatos isentos será divulgada no dia 9.

Os programas para as provas estão disponíveis no site da COMPERVE. Na primeira fase, as avaliações terão carater prático e específico, e serão realizadas de 29 a 31 de agosto.  Os aprovados da primeira fase realizarão as provas de estruturação musical no dia 14 de setembro. Mais informações podem ser acessadas pelo edital em http://www.musica.ufrn.br/em/?p=2034 ou através do site da COMPERVE  http://www.comperve.ufrn.br/
Estarão abertas, no período de 1º a 14 de agosto, as inscrições para processo seletivo do Curso Técnico da Escola de Música. São ao todo 124 vagas, distribuídas por todas as habilitações. As inscrições serão feitas pelo site da COMPERVE http://www.comperve.ufrn.br/ Para mais informações, consulte o

terça-feira, 26 de julho de 2011

Canto dos Planetas (Por Leandro Rocha)



Ouço uma música de outro planeta
De que planeta você é que a reconhece?
Não sei mais ser marciano.
Sou de eras passadas,
Longínquas curvas do tempo,
Advindo do rastro de cometas,
Pó,
Liquidescencia tornada gente
que no lombo carrega heranças
da cadeia hereditária de Eva.
Entregue ao murmúrio dos ventos.
Ser tão são
Por que não?"

Curso de fotografia com Pablo Pinheiro

Fonte: Soltonacidade


Em agosto, o fotógrafo Pablo Pinheiro ministrará curso de fotografia no Solar Bela Vista. Voltado para curiosos, amadores e profissionais, o curso será dividido em turmas (uma pela manhã e outra à tarde), com carga horária de 20h e duração de duas semanas. As aulas da primeira turma começam dia 8 e vão até o dia 22.

As aulas serão personalizadas, para proporcionar uma maior interação entre teoria e prática e fazer com que o aluno consiga levar para o seu dia a dia, de forma harmônica, o conhecimento adquirido, transformando-o em prática profissional ou mesmo aprimorando o prazer de registrar momentos.

Para as aulas, é essencial que o aluno leve equipamento próprio, amador ou profissional. Preferencialmente, a câmera deve permitir o controle de seus principais recursos, com zoom ótico, velocidade, diafragma e ISO, pois o domínio desses recursos poderá assegurar uma melhor fotografia.

Pablo Pinheiro ressalta que a fotografia é rica em abordagens e conteúdos, e mais rica ainda nas possibilidades dos resultados. "É fundamental, portanto, ter curiosidade ou interesse em fazer da fotografia um momento de lazer, expressão, aprimoramento profissional ou juntar tudo em um só clique. Fotografia combina com inquietude. É o olhar curioso sobre a vida. E ao final do curso, a visão de cada aluno deve estar mais amadurecida, consciente e segura para seguir seu caminho no universo da fotografia", diz.

Pablo fotografa profissionalmente desde 1999. Ele se formou em Publicidade e Propaganda pela Universidade Paulista, onde coordenou os cursos de Comunicação Digital e Fotografia Digital. Foi também professor dos cursos de Comunicação Social na Universidade Potiguar e na Fanec e hoje é o principal responsável pelos cursos livres do Estúdio P. Atualmente atende aos mercados de Natal, Belo Horizonte, Rio de Janeiro e São Paulo.

SERVIÇO | CURSO DE FOTOGRAFIA COM PABLO PINHEIRO - MÓDULO 01
Período - 8 a 22 de agosto
Turma matutina: 8h às 11h
Turma vespertina: 14h às 17h
Carga horária: 20h
Investimento: R$ 320
Local do curso: Solar Bela Vista
Informações: 9672 5355 / 9918 8460 / 8818 8460
www.estudiop.wordpress.com

Beco Musical hoje(26/07)

Fonte:Soltonacidade A próxima edição do projeto será nesta terça-feira (26). Desta vez o Beco da Lama (rua Coronel Cascudo, Cidade Alta) recebe Simona Talma e os Compradores de Charuto. Além de canções autorais, o repertório traz releituras de grandes nomes do blues e do jazz. A programação começa às 20h. Entrada gratuita. Informações: 9175 9870.

domingo, 24 de julho de 2011

The Platters

Fonte:Soltonacidade

O Teatro Riachuelo recebe mais uma atração internacional. A banda americana se apresenta dia 28 de julho, às 21h.

O grupo escreveu seu nome na história do rock, com mais de 100 milhões de discos vendidos. Clássicos como “Only You”, “The Great Pretender”, “Magic Touch” e “Twilight Time” não irão faltar no setlist.
SERVIÇO | THE PLATTERS
Dia: 28 de julho (quinta-feira)
Hora: 21h
Local: Teatro Riachuelo (Shopping Midway Mall)
Ingressos (plateia): R$ 100 (inteira) e R$ 50 (meia)
Informações: 4008 3705 | www.teatroriachuelo.com.br

Todo avental sujo (último dia 24/07)

Fonte: Soltonacidade


A peça mostra relações de conflitos existentes na casa de uma família que está mergulhada em um universo de culpa após a partida de um de seus integrantes.

 “Todo avental sujo” será apresentada nos dias 22, 23 e 24 de julho, às 19h, no Barracão Clowns. Entrada: R$ 5 (preço único), com venda no local a partir das 16h. Informações: 3221 1816 / 8707 9232.
Em uma pequena cidade do interior brasileiro, uma mãe, vestindo o seu avental todo sujo de ovo, não consegue esquecer, nem por um único dia, a ausência de quase vinte anos que seu filho deixa em todos os lugares da modesta casa e no seu coração. Nesse tempo de espera, seu marido também adoece e, a seu modo, cultiva a presença do filho, nas constantes visitas à caixa dos correios.

Esse enredo tece a linha dramática central do texto "Avental todo sujo de ovo", do premiado dramaturgo Marcos Barbosa, no qual se inspira a Bololô Cia. Cênica para construir o espetáculo "Todo Avental", patrocinado pelo Banco do Nordeste.

O GRUPO VOCAL PROPAGAMUS INICIA A GRAVAÇÃO DE SEU CD

Na última sexta-feira (22/07) o grupo vocal Propagamus iniciou a gravação de seu mais novo CD no Hstúdio. A previsão de lançamento é para o final de 2011. Em breve mais notícias. Para saber mais sobre o grupo acesse: http://grupovocalpropagamus.blogspot.com

Confiram algumas fotos da gravação no Hstúdio do grande músico e intérprete dos sons Humberto Luiz:
 



 

 




sexta-feira, 22 de julho de 2011

Opções de lazer para o fim de semana em Natal

Espetáculo Destrilhados



Do Diário de Natal
Sexta-feira

Destrilhados: A peça Destrilhados encenada hoje na Casa da Ribeira é fruto da parceira do projeto ArteAção com o Grupo de Teatro do Concreto de Brasília. Trata-se de um espetáculo itinerante. Início: 19h. A entrada é gratuita limitada a 100 pessoas por sessão.

Instrumento: Alunos interessados em participar das oficinas de instrumento e formação de orquestra promovidas dentro da programação da Semana da Música (entre 7 e 15 de outubro, quando Natal receberá concertos executados por alguns dos maiores nomes da música erudita do mundo), já podem entrar em contato. Serão 24 oficinas abertas a estudantes de todo o Brasil. A inscrição começa já em 1º de agosto e prossegue até 1º de setembro. Serão mais de 500 vagas. Metade é reservada a bolsistas selecionados pela performance instrumental. A inscrição custa R$ 50. Contato para inscrição: ilanafelix@uol.com.br / 8885-2004 (Ilana) / Twitter: @Semana_Music / Site: www.musica.ufrn.br/semanadamusica2011.

Circo: O espetáculo AbraKadabra apresentado peloTihany Spectacular, o maior circo da América Latina, estreia hoje na BR 101 (ao lado do pórtico). Palco de 900 metros quadrados. 76 artistas em cena. As apresentações são divididas em 18 atos ao longo de 2 horas de show, com humor, acrobacia, contorcionismo, ilusionismo e coreografias, além de um corpo de baile formado por 24 bailarinas estrangeiras. Sessões de terça a sexta: 20h / Sábados: 16h30 e 20h / Domingos e feriados 16h e 19h30. Valores: R$ 20 a R$ 120. Vendas: Bilheteria do Tihany BR 101, no site www.livepass.com.br ou no Praia Shopping. Informações: (84) 4141-3468.

Clowns: A Bololô Cia. Cênica estreia o espetáculo Todo Avental Sujo, de hoje a domingo no Barracão Clowns (Avenida Amintas Barros, 4673, Nova Descoberta). Início: 19h. Entrada: R$ 5 (preço único, no local). Contato: 3221 1816 / 8707 9232.

Dor: Espetáculo Dolores, encenado no TAM e na Casa da Ribeira, volta ao Teatro de Cultura Popular Chico Daniel para contar a trajetória da cantora e compositora Dolores Duran (Cláudia Magalhães) e aamizade com o cronista Antônio Maria (Isaque Galvão). Às 20h. Entrada: R$ 20 e R$ 10 (meia). Contato: 3232-5307 / 9405-2806.

Reggae: O projeto Beco do Reggae traz show da banda Soul Reggae ao Bar da Meladinha, no Beco da Lama (Cidade Alta). Sempre às sextas-feiras, às 19h30, com acesso gratuito. Contato: 9175-9870 (Marcelo Veni).

Páprika: Mônica Jucá traz sua MPB ao palco do Páprika. Amanhã, a banda Dekadas com pop internacional. Domingo, mais música ao vivo com a MPB de Breno Amorim. A partir das 21h. Em Ponta Negra (antigo Decky). Contato: 3219-3865 / www.paprika.com.br

Peppers: Sobe ao palco do Pepper's Hall a Banda Yanks que deu origem a um som com influências como Incubus e Foo Fighters. As composições trazem letras intimistas com uma pegada rock. A noite também terá a Dj Fam Matos no projeto Up and Down. Amanhã, a banda Forro de Luxo, Patusco e DJ Gunner. Vendas antecipadas, Oculare do Midway. Contato: 3236-2886. Na Av. Eng. Roberto Freire, 1009. Ponta Negra. www.peppershall.com.br

Sábado

Infantil: A cantora argentina Lalu Miranda e sua turma fazem a festa com a criançada no Parque das Dunas neste sábado e domingo, com espetáculos às 11h e às 16h. O show apresenta músicas típicas infantis de diversos Países cantadas em português por Lalu em companhia de personagens como o sapo Pepe e o cão amigo. Cenário colorido, interação com a criançada e cantos da cultura popular brasileira e de outros países. O show musical continuará em cartaz no Parque das Dunas até o final de julho. Ingresso: apenas R$ 1.

Riachuelo: O paraibano Jessier Quirino faz duas apresentações no Teatro Riachuelo, às 19h e 21h. Ingressos: La Femme Lingerie (1° piso Midway - 3646 3292). Valor: R$ 60 e R$ 30 (meia). Abertura das portas: 20h. Duração: 1h20min

Dança: A premiada companhia Gira Dança apresenta Acontecimento 01 - Tubo de Ensaio, resultado do projeto Corpo Experimento. Local: Casa da Ribeira. Início: 20h. Ingressos: R$ 10 e R$ 5 (meia). Informações: www.giradanca.com.br

Domingo

Adnet: O humorista Marcelo Adnet faz duas apresentações no Teatro Riachuelo. Sessões às 18h30 e 20h30. Ingressos à venda na Elementais do Midway (3º piso do Midway - 3213-2934). R$ 80 / R$ 40 (plateia, camarote e friza), R$ 70 / R$ 35 (balcão nobre).

Gurizada: O Praia Shopping preparou uma programação para os pequenos. Todos os domingos do mês de julho, das 16h às 18h, brincadeiras comandadas pelos palhaços Olelê e Olalá, contação de história e teatrinho para as crianças. A primeira peça será a Galinha Pintadinha. O Praia Shopping também realiza campanha de arrecadação de livros para as crianças do Núcleo de Amparo ao Menor (NAM). As doações podem ser feitas de segunda a sábado, das 10h às 22h, e aos domingos, das 11h às 21h.

Coral Municipal "Sons da Terra" se apresenta nesta sexta-feira (22/07)


Da redação do DIARIODENATAL.COM.BR
 
O Coral Municipal "Sons da Terra" continua com o cronograma dos concertos didáticos programados para esse ano. Nesta sexta-feira (22), duas escolas do município de Natal serão contempladas com a apresentação do coral formado por professoras e funcionárias da Secretaria Municipal de Educação (SME).

A primeira apresentação acontece às 8h00, na Escola Municipal Professora Adelina Fernandes, localizada na Rua Angra dos Reis, s/n Conjunto Soledade II - Potengi. A outra apresentação está agendada para 9h30, na Escola Municipal Professora Maria Madalena Xavier, localizada na Avenida Votuporanga, s/n Conjunto Santarém - Potengi.
Durante o segundo semestre o coral tem como tema de repertório a preservação do meio ambiente, e de acordo com a regente, a professora Rosângela Albuquerque, estão no repertório canções como "Cio da Terra", de Milton Nascimento e Fernando Brant, "Planeta Sonho", de Flávio Venturini e Márcio Borges, "Água, terra, fogo e ar", de Bia Bedran e "Defensores da Natureza", de Aloísio Reis, Biafra e Nilo Plinta.

Além de canções do folclore brasileiro como “Nesta Rua Tem Um Bosque” e “Coco Peneruê”, entre outras, são interpretadas pelas coralistas. Algumas das canções são cantadas a capela (sem acompanhamento instrumental), outras são acompanhadas com violão e percussão ou só percussão.

Coral Municipal "Sons da Terra"
Formado por professoras e servidoras da Secretaria Municipal de Educação de Natal, o Coral “Sons da Terra” completa 20 anos de atividades em setembro próximo. Nesse período, mais de 1000 mil apresentações, com o coral levando a boa música para crianças e adultos em concertos educativos e de exibição.

“O nosso repertório é composto de músicas eruditas, populares, regional nordestina, folclóricas e infantis, bem acessíveis ao nosso público alvo”, disse Rosângela Albuquerque, regente e fundadora.

Ela também é a coordenadora do 17º Encontro de Corais da Cidade do Natal e o 9º Encontro Nacional de Coros em Natal - Enconat, que acontece no período de 16 a 19 de novembro.

No dia 5 de agosto próximo, o coral vai ser apresentar na terceira edição do Festival de Corais Vozes na Chapada, que acontece no período de 4 a 7 na cidade de Mucugê, localizada na Chapada Diamantina, a 441 km de Salvador.

quinta-feira, 21 de julho de 2011

A sutileza e a técnica do Circo da China chega ao Brasil

Fonte: Jornal Tribuna do Norte

DivulgaçãoPersonificação da Fênix pontua espetáculo circense "Sky Mirage 2", que chega a Natal em setembroPersonificação da Fênix pontua espetáculo circense "Sky Mirage 2", que chega a Natal em setembro
Enquanto sutileza, técnica e precisão dominam o palco, a plateia é tomada por fartas doses de adrenalina e certa tensão ao presenciar números de tirar o fôlego. Assim é "Sky Mirage 2", espetáculo do Circo da China que estreou esta quarta-feira (20) no Brasil, porta de entrada para a turnê Latino Americana da trupe. A série de apresentações inicia pelo teatro Credi-card Hall em São Paulo, e se estende por outras sete cidades do país até o mês de setembro, quando aterrissa em Natal entre os dias 21 e 25 no Teatro Riachuelo.

A montagem deste novo espetáculo levou um ano para ser concebida e finalizada, teve estreia mundial em novembro de 2010 e o enredo que costura as apresentações trata da busca da Fênix (pássaro mitológico que renasce das cinzas) pela luminosidade do sol, cuja intenção é criar um único e harmonioso elemento a partir desse encontro.

Legítimos representantes da arte milenar chinesa, lugar onde o circo acumula três milênios de tradição, os 56 artistas se revezam em performances acrobáticas que contrariam as leis da gravidade e deslumbram o público. Carro chefe do espetáculo que teve investimentos da ordem de cinco mi-lhões de dólares, a acrobacia pontua o repertório de 15 atos e se funde a outras linguagens como balé aéreo, con-torcionismo e equilibrismo. "O circo faz parte da nossa cultura e sua origem remonta os tempo dos grandes impe-radores, por isso temos um elenco de jovens que iniciaram seus estudos no picadeiro ainda na primeira infância", disse An Ning, presidente do Circo da China desde 1997.
DivulgaçãoElenco do Circo da China é formado por artistas-atletasElenco do Circo da China é formado por artistas-atletas

Segundo Ning, na China, crianças a partir de seis anos começam a aprender os primeiros truques em uma rotina puxada de exercícios e treinos que duram, no mínimo, sete anos. "Esse é o tempo médio para se tornar um artista profissional", explica. Para o presidente, a tradição do circo é perpetuada no país asiático através de escolas especializadas, que funcionam em sistema de internato, onde os alunos dedicam metade do período aos estudos tradicionais e a outra ao aprendizado circense. "Anualmente realizamos seleção em várias cidades chinesas para recrutar novos talentos, além de também mantermos nosso próprio centro de treinamento. Inclusive temos 12 artistas menores de 16 anos nesta temporada", complementa.

Esta é a sexta temporada do Circo da China no Brasil, mas, apesar de não ser a maior em número de artistas, se destaca pela quantidade de equipamentos utilizados no palco. A passagem do grupo pelo Brasil tem produção da Time for Fun (T4F) e patrocínio do Governo Federal, Lei de incentivo do Ministério da Cultura, Redecard e Ericsson. Para divulgar a turnê verde e amarela, que passará por São Paulo, Ribeirão Preto (SP), Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Fortaleza, Recife e Natal, a promotora T4F convidou jornalistas dessas cidades para participar de entrevista coletiva e acompanhar a noite de estreia do espetáculo "Sky Mirage 2" na capital paulista.

Kaoll & lanny Gordin em Natal


Sistema Fecomercio RN promove show do grupo Kaoll &
Lanny Gordin na UFRN

O Sistema Fecomercio, por meio do SESC, traz a Natal o show do grupo Kaoll & Lanny Gordin. A turnê de divulgação do álbum Auto-Hipnose chega à cidade no próximo dia 03 de agosto, com apresentação única, a partir das 20h, na Escola de Música da UFRN.
O projeto traz o gênio da guitarra brasileira Lanny Gordin em um momento de total inspiração e liberdade criativa, prometendo uma sessão hipnótica, especialmente preparada para a ocasião. A programação da noite também contempla a atração local, com o show do grupo de percussão Kizambe.
A entrada para o show é gratuita, sendo opcional a doação de 1 kg de alimento não-perecível para o programa de segurança alimentar Mesa Brasil do SESC.

Kaoll & Lanny Gordin

Criada em 2008, o grupo de música instrumental Kaoll & Lanny Gordin é formado por seis músicos que em seu trabalho musical sofre influência de grupos dos anos 60 e 70, como Pink Floyd, Jimi Hendrix e artistas do Movimento Tropicalista. Entre os músicos, o destaque é o guitarrista Lanny Gordin, um dos pilares da própria tropicália, participante de trabalhos memoráveis com Hermeto Pascoal, Gal Costa, Gilberto Gil, Caetano Veloso, entre outros.

Grupo Kizambe/RN

O grupo Kizambe surgiu em 2008, com a união de percussionistas e compositores Dudu Campos e Sami Tarik. Eles desenvolvem um trabalho de pesquisa com a música de percussão “experimental”, característica presente nas composições de cada um.

Assessoria de Comunicação
Gerência de Comunicação e Marketing do Sistema Fecomercio|Sesc|Senac|IPDC
Fone: (84) 3211-5577| 3213 2884